domingo, 20 de fevereiro de 2011

Advogado no céu

Chegaram quase junto, ao céu, um advogado e um papa. São Pedro mandou o advogado se instalar em uma bela mansão, situada em uma colina, com piscina, gramado e tudo. O papa, que vinha logo atrás, pensou que seria contemplado com um palacete. Mas ficou pasmo quando São Pedro disse que ele deveria ir para um quarto e sala de um conjuntão do BNH, lá numa baixada do céu. O papa se irritou e perguntou ao santo:
- Não entendo mais nada, são Pedro. Um advogado recebe uma mansão daquela. Eu, um papa, vou para um quarto e sala do BNH...
Ao que são Pedro respondeu:
- Fica quietinho, santidade. De papa, o céu está cheio. Mas advogado, esse é o primeiro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário