terça-feira, 5 de maio de 2009

Consulta com oftamoligista

Um certo cidadão entrou em uma clínica com um frasco de Nescafé dentro do qual havia um tolete de cocô - um tijolaço mesmo, daqueles enormes – e se dirigiu à recepção dizendo à moçinha que estava atrás do balcão: 
- Por favor senhorita, eu quero marcar uma consulta com um oftalmologista. 
Vendo aquela bosta enorme dentro do frasco, a recepcionista não vacilou: 
- Senhor, o senhor tem que marcar lá no laboratório, um exame de fezes.
Mas o homem retrucou
- Minha filha, eu falei que quero marcar um oftalmologista e pronto! 
E a recepcionista respondeu: 
- Mas senhor! O senhor tem que marcar lá no laboratório, um exame de fezes. 
Mas o homem insistia. Diante da insistência do cidadão, a recepcionista resolveu marcar a consulta como ele pedia. Dai então ele ouviu: 
- Senhor Fulano de tal entre à sala 4. 
Ele levantou-se todo feliz e antes mesmo que entrasse na sala, o médico vendo o frasco foi muito gentil e lhe disse: 
- Desculpe senhor, mas o laboratório é no outro corredor. 
- Não doutor, eu quero falar é com o sr. que é oftalmologista, não é? 
- Sim, sou eu!
Diante da insistência do cara o médico resolveu atender e disse: 
- Então meu senhor. o que que o senhor tem?
O homem botou o frasco em cima da mesa e perguntou:
- Doutor, porque é que toda vez que eu boto um desses, sai uma lágrima do meu olho? 

Nenhum comentário:

Postar um comentário