quinta-feira, 30 de abril de 2009

Dor do protuguês

Um português preocupado com sua saúde procurou um médico urgente:
- Doutor, pelo amor de Deus, estou sentindo dores no corpo todo.
- Dê exemplos por favor...
- Ah doutor, eu ponho o dedo no pé, dói, ponho o dedo no peito, dói, ponho o dedo na cabeça, dói, como pode ver, todo meu corpo dói
- Huuuum, acho que já sei...
- O que é doutor, pelo amor de Deus, é grave?
- Não Manoel, não é grave, você apenas quebrou o dedo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário