terça-feira, 2 de setembro de 2008

Cuspidores

Fazia um friozinho de lascar e lá estavam o Manoel e um francês (daqueles de boina e cavanhaque) viajando frente a frente.

Seria uma viagem um tanto ou quanto longa, e o francês, para puxar conversa, preparou uma cusparada e a atirou em direção ao Manoel, tirando um fininho em sua orelha direita.

Então tirou do bolso um cartão e apresentou-se:
"Muito prrazerr. Jean-Pierre, cuspidorr prrofissionall!..."

E o Manoel, ainda chocado diante de tal apresentação, preparou também uma bela cusparada, atingindo em cheio o rosto do francês, e dizendo em seguida:
"Muito prazeire! Manoel Pereira, cuspidoire amadoire!.."

Nenhum comentário:

Postar um comentário